Kevin Arnold, Winnie Cooper e mais: os segredos da série Anos Incríveis

Notícias

por Paulo Almeida Prado 0 visualizações




1 - Originalmente chamado The Wonder Years, o seriado estreou no dia 31 de janeiro de 1988, na emissora norte-americana ABC. Foram 115 episódios ao longo de 6 temporadas, com o último capítulo sendo exibido em 12 de maio de 1993.



2 - Na TV brasileira, a série foi lançada em 1993 pela Cultura e pelo Multishow, levando o nome Anos Incríveis e fazendo grande sucesso. Depois, a produção ainda foi exibida pela Band e pelo Canal 21.

3 - Uma das mais famosas dos anos 80, a sequência de abertura era embalada pelo sucesso With a Little Help From My Friends, na versão de Joe Cocker, mostrando a família Arnold em filmagens caseiras.



4 - A produção conta a história da infância e da adolescência do menino Kevin Arnold (Fred Savage). Já adulto, ele narra suas lembranças daquela época, recordando os principais acontecimentos envolvendo sua família e seus amigos. A série vai de 1968 a 1973, mostrando Kevin entre os 12 e os 17 anos. A intenção era atrair a audiência da geração Baby Boomer, aquela nascida após o final da Segunda Guerra Mundial, a partir de 1946, até 1964.

5 - Além de Kevin, outros personagens marcantes da série são a esperta Winnie Cooper (Danica McKellar), primeira grande paixão do garoto, e o tímido Paul Pfeiffer (Josh Saviano), melhor amigo do protagonista.



6 - A trama também dá destaque aos outros integrantes da família Arnold. O pai Jack (Dan Lauria) é veterano da Guerra da Coreia e simboliza a geração de pais que teve que lidar com as mudanças sociais e culturais dos anos 60. Norma (Alley Mills) é a mãe da família e zela pela educação dos filhos: Wayne, o implicante filho mais velho e Karen, filha hippie, sempre disposta a desafiar valores familiares.

7 - À medida em que a trama avança, a produção mostra momentos marcantes da história dos Estados Unidos, como a chegada do homem à Lua, ocorrida em 1969.

8 - Originalmente, a obra era planejada para ser um filme, ideia que se alterou posteriormente.



9 - Na época, Anos Incríveis se destacou de outros seriados por fugir da fórmula clássica de sitcoms, evitando características como cenário único e claque de risadas marcando cenas de humor.

10 - Aproximadamente 400 atores mirins foram testados para os papéis de Kevin, Winnie e Paul.

11 - Inicialmente, o papel de Winnie iria pra Crystal McKellar, irmã de Danica. Porém, a produção mudou de ideia e Crystal fez apenas pequenas participações na série.



12 - O primeiro capítulo foi exibido logo após o encerramento da transmissão do Super Bowl XXII, no qual o Washington Redskins se sagrou campeão da NFL após derrotar o Denver Broncos. O jogo foi assistido por mais de 80 milhões de espectadores, fato que colaborou para que o piloto da produção tivesse uma boa audiência.

13 - Por insistência da ABC, a cidade na qual a série se passava nunca foi mencionada. Isso se deve à intenção de que a obra mostrasse uma rotina comum e típica dos Estados Unidos, se encaixando em qualquer um dos 50 estados.

14 - No episódio de estreia, Kevin e Winnie dão seu primeiro beijo. Este também foi o primeiro beijo dos atores, que na época tinham 12 anos. Anos mais tarde, ambos confessaram que se apaixonaram e que a relação se tornou apenas amizade.



15 - Na versão original, a voz de Kevin Arnold adulto era feita pelo ator Daniel Stern, famoso pelos dois primeiros filmes da franquia Esqueceram de Mim.

16 - A produção ganhou seu primeiro prêmio Emmy com apenas seis episódios tendo sido exibidos. A premiação ocorreu na categoria Melhor Série de Comédia, no ano de 1988.



17 - Em 1989, Fred Savage, na época com 13 anos, se tornou o ator mais jovem a ser indicado ao Globo de Ouro e ao Emmy pela categoria Melhor Ator em uma Série de Comédia.

18 - A ideia de que o pai de Kevin fosse veterano de guerra partiu do ator Dan Lauria, que interpretava Jack. O artista também foi militar, tendo lutado na Guerra do Vietnã. Atualmente, Lauria participa de organizações que buscam defender os direitos de veteranos nos Estados Unidos.

19 - Na versão brasileira, Kevin Arnold era dublado por uma mulher. Sua voz era a da dubladora Angélica Santos, famosa por interpretar Cebolinha nos desenhos da Turma da Mônica.



20 - As filmagens da obra eram bastante tumultuadas, devido ao fato de que os três principais atores eram menores de idade. De acordo com leis trabalhistas, as crianças tinham que dividir seu tempo entre as gravações e a escola, o que trazia uma agenda repleta de intervalos e retomadas.

21 - Uma das características mais marcantes da produção é a trilha sonora, composta por hits dos anos 60 e 70. Porém, devido a questões envolvendo direitos autorais, boa parte das músicas não está disponível nas versões lançadas em DVD e streaming.

22 - A produção contou com vários nomes famosos em seus primeiros papéis, como Juliette Lewis, Jim Caviezel, Alicia Silverstone e David Schwimmer.



23 - A produção foi cancelada em 1993, após um conflito entre a ABC e os produtores. Enquanto a emissora queria manter a aura inocente da série, a equipe pretendia abordar temas mais adultos conforme Kevin crescia. Além disso, os crescentes custos de filmagem também contribuíram para a decisão.

24 - Em meio ao impasse, o capítulo final foi filmado sem que o elenco soubesse que aquele seria o fim da série. Apenas uma narração, inserida posteriormente, encerrava a trama.

25 - O final da série causou polêmica por Kevin e Winnie não ficarem juntos. No último episódio, Kevin conta que a menina foi estudar na França, passando a se comunicar com ele por cartas. Anos mais tarde, quando se reencontraram, o protagonista já havia se casado e se tornado pai.



26 - Fred Savage, intérprete de Kevin, defendeu em entrevista o encerramento da série, dizendo que o roteiro pretendia mostrar que nem sempre a vida toma os rumos imaginados pelas pessoas.

27 - No último episódio, também é revelado o destino de outros personagens. Paul foi para Harvard e se tornou um advogado de sucesso. Já a família de Kevin também mudou: Jack faleceu em 1975, deixando Norma viúva; Wayne assumiu a direção da fábrica de móveis da família e Karen se tornou mãe.



28 - Uma lenda urbana bastante recorrente nos primórdios da internet sugeria que Paul era interpretado pelo cantor Marilyn Manson, o que não passa de boato.

29 - Fred Savage segue na carreira artística, atuando em séries e também como diretor de TV. Danica McKellar também faz participações em seriados, mas é formada em matemática e já lançou quatro livros sobre o tema. Já Josh Saviano abandonou as artes, se formando em Ciências Políticas e Direito.

30 - Apesar de ter uma carreira bem-sucedida, Savage afirmou recentemente que, ao contrário de muitos atores, não se incomoda em ser associado ao papel da infância. Ele afirmou que sabe que sempre será identificado como Kevin Arnold e que se sente feliz de ser lembrado por algo bom.

Veja também: Por onde anda o elenco de Anos Incríveis?