31 de janeiro na história da TV: em 2014, terminava Amor à Vida





No dia 31 de janeiro de 1974, há 43 anos, terminava a novela Meu Adorável Mendigo (Record). De Emanuel Rodrigues, a trama contava a história de um mendigo, misturando humor e drama. Com Dedé Santana, Mussum e Jussara Freire.

No dia 31 de janeiro de 1976, há 41 anos, terminava a novela Bravo! (Globo). De Janete Clair e Gilberto Braga, a obra mostrava o mundo da música clássica. Com Carlos Alberto, Aracy Balabanian e Arlete Salles.



No dia 31 de janeiro de 1986, há 31 anos, terminava a série Sítio do Picapau Amarelo (Globo). Produção da Globo em conjunto com a TVE, o seriado adaptava as clássicas histórias de Monteiro Lobato. Com Zilka Salaberry, Jacyra Sampaio e Rosana Garcia.



No dia 31 de janeiro de 2000, há 17 anos, estreava a novela Esplendor (Globo). De Ana Maria Moretzsohn, a trama mostrava a história de um homem solitário que redescobre o amor. Com Letícia Spiller, Floriano Peixoto e Murilo Benício.



No dia 31 de janeiro de 2004, há 13 anos, terminava o programa Noite Afora (RedeTV!). Talk show focado em temas éroticos, apresentado por Monique Evans.



No dia 31 de janeiro de 2009, há 8 anos, terminava o programa Quem Manda é o Chefe (SBT). Game show apresentado por Silvio Santos no qual participantes respondiam sobre perguntas de conhecimentos gerais.

No dia 31 de janeiro de 2014, há 3 anos, terminava a novela Amor à Vida (Globo). De Walcyr Carrasco, a obra mostrava uma jovem médica, lutando para reencontrar sua filha, que foi abandonada quando bebê. Com Paolla Oliveira, Malvino Salvador e Mateus Solano.



No dia 31 de janeiro de 2016, há 1 ano, estreava a segunda versão do programa Pra Ganhar é só Rodar (SBT). Neste game apresentado por Silvio Santos, os competidores giram cinco piões e podem ganhar até R$ 1 milhão.




commentDeixe sua opinião
menu